domingo, setembro 30, 2007

Eleições do PSD Nacional

Olá,

Umas semanas antes do dia das directas do PSD fui abordado no sentido de fazer parte de uma lista de apoio ao candidato Marques Mendes. Tive a oportunidade de dialogar com o meu desafiador e explicar-lhe que as favas contadas não estavam assim tão bem contadas e que, na minha opinião, o candidato com mais capacidade para vencer seria o Filipe Menezes.

Tal como era de esperar, os pesos pesados do partido estavam com Marques Mendes, a máquina estava a trabalhar a seu favor e havia muita campanha anti-Menezes... Esqueceram-se, porém, os senhores de Lisboa que o Norte estava na corrida, não fosse o Porto o distrito com mais militantes votantes, nas bases do partido. Ora, o Porto de Rui Rio está com Gaia de Menezes. Lisboa de Santana e Sintra de Seara também. Quer queiramos, quer não, estamos a falar dos quatro maiores municipios do país, com um total aproximado de 2 milhões de pessoas - é por estas e por outras que a oposição de Menezes veio imediatamente a terreiro fazer o bota abaixo numa clara tentativa de fazer desacreditar o novo líder do PSD: Louçã, Soares e Marcelo lá vieram para a TV dizer as barbaridades do costume (espanta-me que ainda haja gente que os houve) - o medo que Menezes faça renascer o PSD é muito!!

Entretanto, e porque me foi pedida ajuda pelo mandatário Severense, acedi ajudar no que pudesse em nome da estabilidade e unidade do PSD de Sever do Vouga, e essa ajuda era não fazendo campanha anti-Mendes. Obviamente que essa garantia chegou ao fim com a derrota de Mendes e com mais uma derrota do PSD Severense.

Eu não votei, por duas razões principais: por uma questão de principio, para ser verdadeiro comigo mesmo uma vez que não sou daqueles que só aparecem quando há eleições e porque estou em Lisboa a trabalhar, o que me impossibilitava de chegar a tempo ao escrutínio.

É assim... de surpresa em surpresa o PSD lá vai erguendo a cabeça... resta agora ver o que Menezes nos vai trazer!

Abraço